Up

Editais de Pesquisa

Programa Nacional de Cooperação Acadêmica (Procad)

Objetivo:

Promover a formação de recursos humanos de alto nível, nas diversas áreas do conhecimento, através de projetos conjuntos de pesquisa de média duração. Intensificar, também, o intercâmbio científico no país, por intermédio do envolvimento de equipes acadêmicas de diversas instituições de ensino superior e de pesquisa brasileiras, criando condições para a elevação geral da qualidade do ensino superior e da pós-graduação.

Como funciona?

Os projetos serão apoiados por meio do financiamento de missões de estudo, missões de docência e pesquisa e estágio pós-doutoral. As missões devem ser planejadas de modo a assegurar a implementação das ações necessárias, destinadas a facilitar e possibilitar a interação entre as equipes, consolidando, desse modo, as redes de cooperação.

Mais informações em:http://www.capes.gov.br/editais/abertos/6548-procad-


A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) divulgam nesta quinta-feira, 26, as chamadas públicas MCTI/CNPq/MEC/Capes nº 43/2013 e nº 44/2013 e MCTI/CNPq/SECIS/MEC/Capes nº 45/2013 e nº 46/2013.

Humanas e Sociais
A chamada nº 43 tem como objetivo selecionar propostas para apoio financeiro a projetos que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e para inovação do país nas áreas de Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas. As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global estimado de R$ 8 milhões.

Periódicos
Já a chamada nº 44 selecionará propostas para apoio financeiro a projetos que visem incentivar a editoração e publicação de periódicos científicos brasileiros de alta especialização em todas as áreas de conhecimento de forma a contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e inovação do país. As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global estimado de R$ 6 milhões.

Olimpíadas
É objetivo da chamada nº 45 a seleção de propostas para a realização de olimpíadas científicas de âmbito nacional como instrumento de melhoria dos ensinos fundamental e médio, para identificar jovens talentosos que podem ser estimulados a seguir carreira técnico-científicas. As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global estimado de R$ 3,46 milhões.

Feiras
Por fim, a chamada nº 46 apoiará projetos que contribuam para o desenvolvimento científico e tecnológico e inovação do país, por meio da realização de Feiras de Ciências e Mostras Científicas. As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global estimado de R$ 8,9 milhões.

Inscrições e resultados
As propostas das chamadas nº 43, 45 e 46, que cumprirem os requisitos descritos nos editais, deve ser inscritas até 9 de novembro. As propostas para a chamada nº 44 podem ser inscritas até 11 de novembro. A implementação das propostas aprovadas pelas chamadas nº 43, 44 e 45 devem ter início em dezembro de 2013. Já as da chamada nº 46, em novembro do mesmo ano.

A íntegra de todas as chamadas estão disponíveis no site do CNPq.

(CCS/Capes)

Programa Colciências

OBJETIVOS:

O Programa Capes/Colciências com base no Acordo de Cooperação Científica e Tecnológica promulgado pelo Decreto 92.502 em 26 de março de 1986, e no Memorando de Entendimento para a Cooperação Científica, Tecnológica, Acadêmica e de Inovação entre a CAPES e o COLCIÊNCIAS, em 26 de outubro de 2011, tem como objetivo estimular, por meio de projetos conjuntos de pesquisa, o intercâmbio de docentes e pesquisadores brasileiros e colombianos, vinculados a Programas de Pós-Graduação de Instituições de Ensino Superior (IES), e promover a formação de recursos humanos de alto nível no Brasil e na Colômbia, nas diversas áreas do conhecimento.

BENEFÍCIOS:

  • Diárias e passagens aéreas internacionais para brasileiros em missão de trabalho na Colômbia;
  • Bolsas e passagens internacionais para brasileiros em missão de estudos na Colômbia, nos termos das normas vigentes da CAPES;
  • Recurso para aquisição de material de consumo necessário ao desenvolvimento do projeto, no valor de até R$ 10.000,00 para a equipe brasileira.

DURAÇÃO DOS PROJETOS:

1 ano, prorrogável por igual período.

PRAZO DE INSCRIÇÃO:

Até 20 de setembro de 2013

Mais informações no link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/6443-colciencias

Programa Capes PPCP-Mercosul

O programa tem por finalidade a seleção de projetos de pesquisa nas diversas áreas do conhecimento, bem como o fomento ao intercâmbio de doutorandos e o aperfeiçoamento de docentes e pesquisadores, na mesma intensidade.

REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO DE PROPOSTAS

  • Vínculo a um programa de pós-graduação de doutorado de alto-nível, acreditado pela entidade responsável em seu país;
  • Vínculo a um programa de pós-graduação avaliado pela CAPES, preferencialmente,
  • com conceito igual ou superior a 5;
  • Comprometimento na publicação conjunta de trabalhos técnico-científicos;
  • É condição de elegibilidade a apresentação do componente de formação de recursos humanos;
  • Os coordenadores das equipes do projeto deverão possuir o título de doutor há pelo menos 04 (quatro) anos;
  • A duração prevista do projeto será de 02 (dois) anos, podendo ser prorrogada por igual período, condicionada à disponibilidade orçamentária dos países envolvidos.

MODALIDADES DE APOIO

Serão financiadas pela CAPES, bolsas de estudos, transporte aéreo, diárias e seguro saúde para as missões aprovadas nos projetos, que podem ser do tipo:

Missão de Estudo: Concessão de bolsas de estudo, auxilio instalação, seguro saúde e auxílio deslocamento nas modalidades de mestrado sanduíche, doutorado sanduíche e pós-doutorado, tendo duração mínima de 03 (três) meses e máxima de 12 (doze) meses, de acordo com as normas da CAPES e dos órgãos responsáveis de cada país.

Missão de Trabalho: Concessão de diárias e passagens aéreas a docentes e pesquisadores participantes da equipe brasileira, com duração de no mínimo 07 (sete) e máximo 30 (trinta) dias.

A Capes concederá à equipe brasileira anualmente o valor de até R$ 10.000,00 (dez mil reais), em recursos de material de consumo para execução do projeto.

CRONOGRAMA

PERÍODOATIVIDADE
Até 25 de setembro 2013 Inscrição de novas propostas
Outubro de 2013 Avaliação das Propostas
XLVII Reunião da CRC-ES de 2013 Avaliação dos Projetos pelos países
Dezembro de 2013 Divulgação do Resultado


Mias informações no link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/6440-programa-capes-ppcp-mercosul

II CONFIBERCOM: Chamada para apresentação de propostas de trabalho aberta até 15 de outubro


Está aberta até ao dia 15 de outubro a chamada para apresentação de propostas de trabalho ao II Congresso Mundial de Comunicação Ibero-americana, que será organizado pelo CECS e que a Universidade do Minho vai acolher de 13 a 16 de abril de 2014.
 
Promover a reflexão sobre os desafios de internacionalização das ciências da comunicação no espaço ibero-americano, fomentar a valorização das línguas ibéricas como línguas de conhecimento e de produção científica e estreitar os laços de cooperação entre os investigadores dos países desta vasta região são os principais objetivos do II Congresso da Confibercom (Confederação Ibero-americana de Associações Científicas e Académicas de Comunicação).
Dando continuidade aos trabalhos iniciados em São Paulo (Brasil), em agosto de 2011, por ocasião do I Congresso, este encontro procura contribuir para o reforço da solidariedade académica, política e cultural entre os países de expressão portuguesa e espanhola, ao mesmo tempo que se constitui como uma oportunidade de afirmação global do trabalho realizado por esta alargada comunidade científica.
 
As propostas no âmbito da Ciência da Informação podem ser submetidas no grupo temático 2.
 
As propostas de comunicação deverão ser submetidas online, seguindo as instruções disponibilizadas no site do evento: www.confibercom2014.org (em versão bilingue, em Português e em Espanhol).
 
Para informação adicional, por favor contactar info@confibercom2014.org

 

Programa Professor Visitante do Exterior (PVE)

Objetivo:

Incentivar a realização de visitas de curta, média e longa duração de professores e pesquisadores atuantes no exterior a Instituições de Ensino Superior e institutos e centros de pesquisas e desenvolvimento públicos brasileiros, em todas as áreas de conhecimento, cuja; formação e experiência profissional representem uma contribuiçãoinovadora para a pós-graduação brasileira.

Elegibilidade:

Programas de Pós-Gradução (doutorado) de instituições de ensino superior (públicas e privadas sem fins econômicos) e institutos e centros de pesquisa e desenvolvimento públicos brasileiros.

ITENS FINANCIÁVEIS:

- Bolsa de estudo e pesquisa;

- Passagem aérea internacional, em classe econômica;

- Auxílio-instalação, proporcional ao período de permanência.

DURAÇÃO DA VISITA:

De 15 dias a 12 meses.

DATA LIMITE PARA INSCRIÇÕES:

Até 20/12/2013, em fluxo contínuo.

INSCRIÇÕES:

- Inscrições on-line

- Envio de documentos avulsos.

Mais informações:

http://www.capes.gov.br/editais/abertos/6330-programa-professor-visitante-do-exterior-pve

 

Programa Professor Visitante do Exterior (PVE)

Programa Bolsas para Pesquisa Capes/Humboldt

Objetivo
O Programa Bolsas para Pesquisa Capes/Humboldt é uma iniciativa da Capes em cooperação com a Fundação Alexander von Humboldt (AvH) da Alemanha com o objetivo de conceder bolsas para pesquisadores altamente qualificados, que possuam vínculo, empregatício ou não, em Instituições de Ensino ou Pesquisa do Brasil em todas as áreas do conhecimento. A parceria visa à internacionalização de forma mais consistente, o aprimoramento da produção e qualificação científicas e o desenvolvimento de métodos e teorias em conjunto com pesquisadores, de reconhecido mérito científico, alemães ou estrangeiros residentes na Alemanha.

Modalidades de bolsas
1. Pós-doutorado: para pesquisador altamente qualificado e em início da carreira
acadêmica, que tenha completado seu doutorado há menos de quatro anos;
2. Pesquisador experiente: para acadêmico altamente qualificado com um perfil de
pesquisa definido, que tenha completado seu doutorado há menos de doze anos;

Benefícios:
1. Bolsa mensal;
2. Auxílio-instalação;
3. Auxílio-deslocamento;
4. Auxílio para aquisição de Seguro Saúde;
5. Curso de idioma alemão quando necessário;
6. Subsídios para dependentes;
7. Auxílio para mobilidade.

Condições:
A vigência da bolsa poderá variar conforme a modalidade:
1. Pós-doutorado: de seis (6) até vinte e quatro (24) meses; e
2. Pesquisador experiente: de seis (6) até dezoito (18) meses. Neste caso a estadia poderá ser dividida em até três períodos de no mínimo três (3) meses cada.

Mais Informações no link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/5893-programa-bolsas-para-pesquisa-capeshumboldt

Programa Bolsas para Pesquisa Capes/Humboldt

Estágio Sênior

Objetivo:
O Programa de Estágio Sênior é uma política pública de C,T&I (Ciência, Tecnologia e Inovação) e é voltado para a realização de Estágio Pós-Doutoral no Exterior de pesquisadores doutores, que atuem em atividade de docência e de pesquisa no Brasil, com o objetivo de contribuir para a inserção internacional desses pesquisadores, para o estabelecimento do intercâmbio científico e/ou tecnológico e abertura de novas linhas de pesquisa de relevância para o desenvolvimento das diversas áreas no país.

O Estágio Sênior atua também como uma oportunidade de atualização e de reciclagem de docentes e pesquisadores. A duração da bolsa do estágio pós-doutoral sênior varia de um a doze meses, improrrogáveis, e é estabelecida de acordo com o cronograma de execução proposto para cada projeto. A natureza das atividades que compreendem o estágio apresentam a perspectiva de colaboração entre pesquisadores, não cabendo encargos recíprocos para desenvolvimento, que impliquem, por exemplo, o pagamento de mensalidades ou taxas escolares.


Benefícios:
1. Mensalidade, conforme as normas do programa;
2. Auxílio-instalação;
3. Auxílio-deslocamento para aquisição de passagem aérea, e
4. Auxílio para aquisição de Seguro Saúde.

Requisitos e condições:
1. Dedicar-se integralmente às atividades programadas;
2. não acumular a presente bolsa com bolsas concedidas por qualquer agência de fomento nacional;
3. ter nacionalidade brasileira ou, quando estrangeiro, possuir visto permanente de
residência no país;
4. possuir vínculo empregatício com instituição brasileira de ensino ou pesquisa, e
5. possuir título de doutor há oito anos ou mais, quando da inscrição/candidatura no
programa.

Mais Informações no link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/5241-estagio-senior-

Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP

O Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP  é um programa que visa impulsionar a realização de eventos científicos no Brasil e a formação de professores para a educação básica, através da concessão de auxílio financeiro às Comissões Organizadoras.

Inicialmente voltado apenas a eventos de curta duração, cujos vínculos se relacionavam unicamente à pós-graduação; agora, no edital de 2010, também aqueles que prezem pela formação e melhoria do quadro docente da educação básica.

O programa vem, ano a ano, estendendo seu escopo de atuação no país, havendo, apenas em 2011, concedido auxílio a 1319 eventos de diversas áreas de conhecimento, desde eventos novos aos tradicionalmente consolidados, os quais têm aval prévio da consultoria científica da Capes.

Para submeter um pedido de auxílio ao programa, siga as instruções do Edital 4/2012. Acesse nosso sistema, preenchendo corretamente os dados requeridos e na página final, envie, nos campos indicados, os documentos que lhe serão solicitados.


Roteiro para solicitação de apoio a evento no País:
1. Para se familiarizar com as mudanças implementadas, conheça o Edital 2012 do PAEP. A proposta deverá ser submetida com antecedência mínima de 90 dias da data de início do evento;
2. Acesse o SICAPES-PAEP para obter sua senha e submeter uma solicitação;
3. Preencha e envie o Termo de Solicitação e Concessão de Apoio Financeiro a Projeto
(formulário AUXPE) , sendo este o único documento que deve ser enviado pelo correio, conforme instruções do edital (item 5, letra h)*;
4. Aguarde contato da equipe PAEP, que comunicará o resultado da análise técnica e quais serão os passos seguintes.
* O formulário AUXPE deve ser preenchido sem rasuras, assinado pelo dirigente máximo da instituição beneficiada no item 3, pelo beneficiário no item 5 (abaixo do parágrafo 13) ? e os campos dos dados bancários da conta específica e vinculada no Banco do Brasil devem ser deixados em branco; e então enviados à Capes sem datação, em duas vias, para o seguinte endereço:
CAPES / PAEP
SBN, Quadra 2, lote 6, Bloco L
70040-020, Brasília ? DF.

Problema na reemissão de senha ou troca de email já cadastrado envie um e-mail para
senha@capes.gov.br.

Mais informações, dúvidas e sugestões podem ser obtidas pelo link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/5173-programa-de-apoio-a-eventos-no-pais-paep ou pelo e-mailpaep@capes.gov.br.

Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP
Programa Geral de Cooperação Internacional PDF Imprimir E-mail

OBJETIVOS:

Apoiar projetos conjuntos de pesquisa e parcerias universitárias entre Instituições de Ensino Superior do Brasil e de países que promovam a formação em nível de pós-graduação (doutorado sanduíche e pós-doutorado), situadas em países com os quais o Brasil possui acordos internacionais, mas a CAPES não possui acordo específico, e o aperfeiçoamento de docentes e pesquisadores.

BENEFÍCIOS:

  • Bolsas de estudo em nível de doutorado-sanduíche e pós-doutorado;
  • Passagens áreas internacionais e diárias para a equipe brasileira no país destino, nos termos das normas vigentes da CAPES;
  • Custeio de atividades correntes para a equipe brasileira (valor máximo de R$ 10.000,00).

DURAÇÃO DOS PROJETOS:

2 anos, prorrogáveis por mais 2.

PRAZO DE INSCRIÇÃO:

Fluxo contínuo.

Mais Informações disponíveis no link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/2477-programa-geral-de-cooperacao-internacional

Auxílio Editoração - AED


5.1. Finalidade

Apoiar e incentivar a editoração e publicação de periódicos científicos brasileiros, altamente especializados, em todas as áreas do conhecimento.

É considerado prioritário o apoio aos periódicos divulgados por meio eletrônico (em modo de acesso aberto) ou de forma impressa/eletrônica simultaneamente.

As publicações devem ser mantidas e editadas por instituição ou sociedade científica brasileira, sem fins lucrativos, de âmbito nacional e que contribuam para elevar o nível de qualidade, forma e conteúdo dos periódicos, para a divulgação no Brasil e no exterior.

5.2. Requisitos e condições

5.2.1 -  para o proponente:

a)      ser representante de instituição ou sociedade científica brasileira, sem fins lucrativos, de âmbito nacional;e

b)      ter currículo cadastrado na Plataforma Lattes. A atualização das informações do currículo Lattes é de total responsabilidade do proponente.

5.2.2 - para o periódico:

a)      estar indexado na base de dados SciELO e/ou ter classificação mínima no Qualis da CAPES,estabelecida em chamada específica, na área ou subárea do conhecimento da proposta;

b)      possuir abrangência nacional/internacional quanto a autores, corpo editorial e conselho científico, com afiliação institucional em todos os fascículos e adotar política editorial estrita de revisão por pares;

c)      apresentar a missão, política editorial e instruções aos autores;

d)      ter mais de 80% de artigos científicos e/ou técnico-científicos publicados e gerados a partir de pesquisas originais, não divulgadas em outras revistas;

e)      ter circulado de forma regular nos 2 (dois) anos imediatamente anteriores à data da solicitação;

f)        apresentar periodicidade de pelo menos 2 (dois) fascículos ao ano; e

g)      possuir número internacional normatizado para publicações seriadas - ISSN (obtido junto ao Instituto Brasileiro de Informação em C&T-IBICT).


5.3. Duração

O período de aplicação dos recursos é de 12 (doze) meses, a contar da data da assinatura do Termo de Aceitação.


5.4. Itens financiáveis

5.4.1 - São permitidas despesas com:

a)      material de consumo;

b)      correio;

c)      pagamento de pessoal especializado em editoração e tradução, serviços gráficos de arte-final e de impressão; e

d)      serviços para a preparação, geração e manutenção da página que hospeda a publicação eletrônica.

 

5.4.2 - O proponente deverá observar as orientações do Manual de Utilização de Recursos Financeiros e Prestação de Contas.

 

5.5.Envio, análise e julgamento das propostas


5.5.1 -As propostas deverão ser submetidas por meio de formulário eletrônico de propostas, disponível na Plataforma Carlos Chagas, de acordo com o cronograma da chamada específica.

5.5.2 - Será aceita uma única proposta por proponente. Na hipótese de envio de uma segunda proposta pelo mesmo proponente, esta será considerada substituta da anterior e a analisada.

5.5.3 - À Diretoria Executiva do CNPq caberá a decisão final do julgamento, subsidiada por análise da área técnica e recomendações do Comitê Editorial.

Nota: É desejável que o periódico esteja indexado em bases relevantes e reconhecidas pela comunidade científica e tecnológica, tais como ISI Web of Science (Thomson Reuters)ouScopus (Elsevier).


5.6 - Disposições Finais


5.6.1 -Casos omissos ou excepcionais serão deliberados pela Diretoria Executiva do CNPq.

Mais informações disponíveis em: http://www.cnpq.br/web/guest/apresentacao4

Intercâmbio Científico Brasil-Alemanha de Curta Duração PDF Imprimir E-mail

O programa de Intercâmbio Científico Brasil-Alemanha de Curta Duração é realizado pela Capes em parceria com o Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico ? DAAD, e visa ao fortalecimento da cooperação acadêmica e científica entre os dois países. O programa prevê o financiamento de missões de professores de instituições brasileiras e alemãs por períodos de 1 a 3 meses.

Objetivos do Programa

  • Fomentar a pesquisa e estreitar vínculos entre cientistas brasileiros e alemães.
  • Facilitar o acesso a bibliotecas e laboratórios especializados.
  • Executar pesquisas de campo.
  • Possibilitar publicações conjuntas.
  • Preparar a cooperação entre grupos de pesquisas Brasil/Alemanha.

Benefícios

Os custos da viagem do pesquisador serão de responsabilidade do país de origem, enquanto os custos de hospedagem serão cobertos pelo país de destino.

A Capes financia:

  • Auxílio deslocamento para pesquisadores de instituições brasileiras com destino à Alemanha.
  • Diárias para pesquisadores visitantes alemães durante a estadia no Brasil.

Observação: Para a concessão de diárias, o pagamento só será solicitado após a chegada do professor alemão no Brasil, seguida da apresentação do termo de compromisso assinado e dos bilhetes aéreos utilizados.

Inscrições

Fluxo contínuo, com, no mínimo, 03 (três) meses de antecedência da viagem.

A apresentação das candidaturas deverá ser feita simultaneamente à Capes e ao DAAD. Para tanto, os candidatos deverão observar as regras de cada órgão. A concessão do auxílio estará condicionada à aprovação do pleito por ambas as instituições.

Importante: O DAAD solicita aos candidatos que imprimam o formulário da Capes ao final da inscrição para enviar àquela instituição.

Contato do DAAD:
Rita Meyer
E-mail: cientistas@daad.org.br
Tel. (21) 2553-3296

Mais informações no link: http://www.capes.gov.br/editais/abertos/4274-missoes-de-curta-duracao

EDITAL 02/2013

SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTAS

APOIO À REALIZAÇÃO DE EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS

A FUNDAÇÃO DE APOIO À PESQUISA DO DISTRITO FEDERAL (FAPDF), vinculada à SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL, nos termos do Decreto nº 27.958, de 16 de maio de 2007, publicado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), de 17 de maio de 2007 e, no uso de suas atribuições, TORNA PÚBLICO o presente Edital e convidam os Pesquisadores e Professores com vínculo com Instituições de Ensino e/ou Pesquisa, Pública ou Privada, sediadas no Distrito Federal a submeterem propostas de Apoio Financeiro a Realização, no Distrito Federal, de congressos, simpósios, workshops, seminários, ciclo de palestras e outros eventos, de abrangência Local, Regional, Nacional ou Internacional, relacionados à Ciência, Tecnologia e Inovação que venham a contribuir com o desenvolvimento do Distrito Federal.

1. DO OBJETIVO

1.2 Promover a divulgação de conhecimento científico-tecnológico;

1.3 Promover a interação entre os diferentes atores do setor de ciência, tecnologia e inovação.

2. DAS DEFINIÇÕES E CONCEITOS

2.1 Evento Local ? aquele a ser realizado no Distrito Federal que tem abrangência local e deve ter o apoio manifesto de instituições ou entidades nacionais.

2.2 Evento Regional ? aquele a ser realizado no Distrito Federal que tem abrangência regional (Região Centro-Oeste) e deve ter o apoio manifesto de instituições ou entidades regionais.

2.3 Evento Nacional ? aquele a ser realizado no Distrito Federal que tem abrangência nacional e deve ter o apoio manifesto de instituições ou entidades locais.

2.4 Evento Internacional ? aquele a ser realizado no Distrito Federal que tem abrangência internacional e deve ter o apoio manifesto de instituições ou entidades nacionais e internacionais.

3. DO CRONOGRAMA

Mês da Realização do Evento

Período de Inscrição

Homologação do Resultado - Até

Período de Contratação

Julho / 2013

20/05/2013 a 26/05/2013

03/06/2013

03/06/2013 a 21/06/2013

Agosto / 2013

27/05/2013 a 16/06/2013

24/06/2013

24/06/2013 a 12/07/2013

Setembro / 2013

17/06/2013 a 07/07/2013

15/07/2013

15/07/2013 a 02/08/2013

Outubro / 2013

08/07/2013 a 31/07/2013

12/08/2013

12/08/2013 a 30/08/2013

Novembro / 2013

01/08/2013 a 31/08/2013

09/09/2013

09/09/2013 a 30/09/2013

Dezembro / 2013

01/09/2013 a 30/09/2013

07/10/2013

07/10/2013 a 31/10/2013

Janeiro / 2014

01/10/2013 a 31/10/2013

11/11/2013

11/11/2013 a 29/11/2013

Fevereiro / 2014

01/11/2013 a 20/11/2013

25/11/2013

25/11/2013 a 13/12/2013

4. DO PÚBLICO-ALVO

4.1 Pesquisadores ou professores com formação e experiência compatíveis com a natureza e o tema do evento.

4.2 Todos, acima citados, devem ter vínculo com Instituições de Ensino e/ou Pesquisa, Públicas ou Privadas, sediadas no Distrito Federal.

5. DAS CONDIÇÕES

5.1 O proponente, que será também o coordenador da proposta, deverá ser pesquisador ou professor ou especialista com formação e experiência compatíveis com a natureza e o tema do evento.

5.2 Ter nacionalidade brasileira ou visto permanente de residência no País, no caso de estrangeiro;

5.3 Ser residente e domiciliado no Distrito Federal ou no entorno do DF;

5.4 Ter o currículo cadastrado e atualizado na Plataforma Lattes do Conselho Nacional do Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), com certificação no período dos últimos 06 (seis) meses;

5.5 O proponente deverá ter vínculo formal, de caráter permanente ou temporário, com a instituição promotora do evento, sediada no Distrito Federal.

5.5.1 Entende-se como vínculo formal toda e qualquer forma de vinculação existente entre o proponente, pessoa física, e a instituição de execução do projeto.


Mais informações no link: http://www.fap.df.gov.br/noticias/item/2082-edital-02-2013-apoio-%C3%A0-realiza%C3%A7%C3%A3o-de-eventos-cient%C3%ADficos-e-tecnol%C3%B3gicos.html

 

 
 
Powered by Phoca Download